Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Histórias de Vida

Escrevam para catarinaportela86@gmail.com e conte sua a história da sua vida.

Histórias de Vida

Escrevam para catarinaportela86@gmail.com e conte sua a história da sua vida.

Raiva

 

 

 

Raiva que nasces, que te perdes e mim.
Raiva que matas e destróis, e dás forças, dás sim!
Dás força para planos gélidos e cruéis, para salvares a tua vida e/ou dos outros, tão puros e crentes.
Força contraditória que odeia cada ser que se atravessa numa caminhada, supostamente calma e natural.
 
Raiva tão irreal quanto cruel que desfazes e gozas fazendo…
Arrancas do peito o impulso, a dor, as insónias e memórias…
Memórias boas… Benéficas para a mente.
Não me vais consumir, não te vais apoderar de mim e dos que amo.
Não vais porque a minha raiva existe pelo bem, um bem que te fará mal…
 
É verdade, há maldade escondida em mim, mergulhada num poço sem fim.
Atravessaste-te na minha vida, e o camião passará por cima e ti.
Não remes contra a maré, não te adianta atiras-me areia, pois já estou cega.
Cega de raiva.
 
Se tu soubesse o quanto me prejudicas apenas com a tua existência! Digo-te vai embora, embora da terra, do mundo, do planeta, seria o mínimo que podias fazer.
Embora para sempre…
Mas se queres ficar, joga limpo. Joga com honra e glória e eu serei a primeira pessoa a elogiar-te pela tua grandiosidade.
 
A ti raiva que me consume.
A ti raiva que existes e resistes…
A ti de digo que se vieste para ficar, farei da tua vida o Inferno!!!
Dúvidas?!
Espera para ver…

2 comentários

Comentar post