Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Histórias de Vida

Escrevam para catarinaportela86@gmail.com e conte sua a história da sua vida.

Histórias de Vida

Escrevam para catarinaportela86@gmail.com e conte sua a história da sua vida.

Lembra-te - História de Vida de Sofia

 

 

Ignora-me!

Ignora-me quando me queres. Ignora-me quando me desejas, quando me pedes que fique, apenas no silêncio.

Fala!

Fala com quem desejas, mesmo que seja para me magoar.

Grita, ri e solta uma gargalhada, seguido de um olhar distraído sobre o ombro dela, só para veres se eu te alcanço ao longe, e se me dói.

 

Lembra-te que um dia, os teus sonhos eram comigo, os teus momentos vazios eram para mim, as tuas palavras eram para me agradar, os teus conselhos eram para me conquistar.

 

Lembra-te, para que eu me possa punir!

Para que eu me castigue hoje e sempre.

Para que eu recorde o teu “cabelo falso”.

Para que eu sinta falta das tuas palavras que nada diziam, mas que apenas hoje sei, que faziam todo o sentido.

Lembra-te para que eu recorde como fui infantil, ao não saber o quanto me fazes falta, o quanto eu fui cruel por não puder corresponder, por não saber enfrentar, por não saber como enfrentar-te.

 

Mas peço-te, que me deixes sofrer ao teu lado, coberta de tudo o que eu não dei valor. Ancorada no teu colo, a recordar todos os momentos que hoje me lembro, que eram tão vazios, e que agora me parecem tão cheios de tudo… Tudo, o que me falta!

 

Vê como as marcas que te deixei, ainda ardem em mim.

Vê como eu própria provei do veneno que te dei, e acabei por morrer bem antes de ti.

Vê que morreria de novo, só para te encontrar do outro lado.

 

Entende só, que eu te espero, hoje, aqui e sempre, como se nunca tivesses ido embora.

 

 

Catarina Portela

 

 

 

História baseada na vida de Sofia

(música roubada ao meu amigo Dragão Azul... foi ele que a "encontrou")

4 comentários

Comentar post